Publicado em 4 comentários

Antes de encontrar o amor

Sempre fui egocêntrica, fria e meia orgulhosa, eu diria que sempre procurei não precisar de ninguém, talvez até seja um defeito meu, ou mesmo uma grande qualidade … Enfim,  nunca fui atrás de nada nem de ninguém e muito menos para encontrar os meus pertencentes. Mas, existe um dia que tudo muda e eu precisarei de alguém. Destas poucas palavras ditas, quero mostrar-te realmente quem eu sou agora e dizer te  que se eu te procurar, significa que tu és realmente importante para mim.

Antes de encontrar o amor as pessoas fogem das suas emoções e não sabemos que muito do nosso bem estar, está ligado a elas e à forma como lidamos com os nossos sentimentos, como, também, nas atitudes que tomamos em determinadas circunstâncias. Antes de encontrar o amor vem o medo, o anseio, a angústia e temos realmente medo de amar porque o amor é mesmo isso a insegurança.

tumblr_m8ia8c30UV1rbqkcoo1_500_large

Antes de podermos amar, começamos por ter medo do sofrimento, medo de ser fraco, por perder, por falhar e vivemos numa sombra de sentimentos a se quererem expressar. A pessoa tem a naturalidade de sair, correr, tentar escapar e faz de tudo para se libertar mas depois não tem como se salvar. Sentimos algo mais forte que nós mesmos, algo tão duro e sacrificável e difícil de deixar .

O amor é veneno é algo que nos pode mudar, algo que não nos deixa respirar, é a convicção é a emoção e nada nos pode realmente afastar. Mas não devemos tentar sair ou mesmo demolir, devemos ser diferentes dos outros, devemos ser nós mesmos e encontrar alguém que goste de nós como realmente somos, pelos nossos defeitos, pelas nossas qualidades, lembrando que existe uma razão para tudo isto acontecer, e essa razão está na nossa emoção de sentir e na nossa emoção de viver.

“Saber encontrar a alegria na alegria dos outros, é o segredo da felicidade”.

Georges Bernanos

 
Copy-of-Learn-to-code-728x90 (1)


Publicado em 2 comentários

Amar é muito difícil sim!

Ninguém disse que era fácil amar, depois de ver os braços torcidos, das olheiras mais profundas e das lágrimas a derramarem sobre nós como quem vê viscosos vultos.
Que não digam que amar é fácil porque estão a mentir, nunca vi um sentimento tão profundo e tão árduo como o amor.
A palavra “amar” é um sentimento entre várias emoções e nenhuma delas é fácil de sentir, muito menos de acabar. É impossível logo amar uma pessoa!
Amar é algo que tenho medo de perder e ao mesmo tempo de conquistar, como é alguma paz que o mundo tira e não deixa lá ficar.
Amar é muito, muito difícil sim!
Todos nós queremos amar, mas não sabemos é como amar. Maior parte das pessoas procuram o amor para dar resposta às suas necessidades, até aqui tudo bem ! Existe  a paixão, a compaixão, a alegria e finalmente a tristeza sim a tristeza! É na tristeza que realmente sabemos quem nos realmente ama e é com ela que aprendemos a realmente a amar.
Amar não é fácil e quanto mais insistimos mais  o sentimento se torna irritante, desinteressante e não conseguimos superar as dificuldades que nos podem surgir.

tumblr_lauo90XmoW1qb1z7ko1_400_large
O amor é mesmo assim, um mapa cheio de opções, quanto mais o conhecemos mais confusos ficamos, mais perdidos nos encontramos e mais lamentáveis ficamos.
O amor é difícil!  É difícil  manter uma pessoa para o resto da vida, é difícil investir, é difícil acreditar que tudo vai dar certo, e é difícil sobretudo não desistir de amar. Contudo é mais fácil amar do que ser amado, é fácil passear com as pessoas mas difícil é entender que essas mesmas pessoas podem não te aceitar como tu és e mais difícil ainda é saber que realmente tu és amado e não amar.

O amor é complicado , duro, fatigante, trabalhoso e mais duvidoso quando
fecham a cortina,  o outro fica diferente e quando alguém permanece ao lado de quem já foi embora.  Tudo isto é incerto é incompreensível, é fazer acreditar que não tens mais ninguém para te apoiar do que o teu grande amor. Mas, no fundo amar faz-nos bem e devemos sim primeiro amar-nos para depois amar os outros, e nada mais que o tempo para nos mostrar isso mesmo.

“Só existem dois dias no ano que nada pode ser feito. Um se chama ontem e o outro se chama amanhã, portanto hoje é o dia certo para amar, acreditar, fazer e principalmente viver”.

Dalai Lama