Publicado em 2 comentários

Vem dançar comigo Amor

A dança do amor são dois corpos juntos que se sincronizam.  Ambos tem de saber dançar, pois não basta dançar um mas o seu conjunto. É necessário que haja a troca, que haja o olhar que haja o movimento e o brilho no olhar. Amo simplesmente dançar contigo e tudo o que me faz vibrar que o som do coração que pede enlouquecido, me tira os meus pés do chão e faz-me  voar até ao teu coração.

A dança não é só  um movimento súbito em gesto musical, é sim a concentração de um momento da humana graça natural. A dança não é só pisar o mesmo chão, é pairarmos perplexos e descobrir a nossa paixão. Esta é apenas mais uma canção, onde o cavalheiro conduz a dama para uma mera melodia numa única direção.

Adoro dançar de olhos fechados, adoro quando simplesmente mostras ser um homem apaixonado e mais adoro saber que ainda existe muita musica a dançar de um jeito alternado.

O vento passa cortante e frio e com ele vem a esperança e com ele vagando, em minha mente crio sonhos que a vida alcança. tumblr_mp70vn8Uy61rmrqceo1_500A dança do amor leva-nos assim a um caminho novo, da queda de um passo de dança que procura sempre um encontro para matar a saudade de um sentimento. De tudo fica sempre grandes coisas, a certeza que estamos num bom caminho, a certeza que estamos ainda a começar e a certeza que ainda temos muitos paços de dança para dar.

Contudo acrescentamos à dança, as luzes, a alegria contagiante no ar, a musica da moda a tocar e o momento mágico que sempre queremos aproveitar. A dança é assim, um ritmo que não tem fim, exato e claro, mágico e sensato, expressando a alma e aquilo que as palavras não conseguem expressar.

Dançar a dois é arte é magia é um sentimento a declarar, é simplesmente a conexão entre dois corpos e a improvisação daqueles que queremos amar. Para mim é mais um momento de expressar o nosso coração e é amar intensamente uma pessoa num brilhar. Ter alguém que nos guie e liberte neste guião é simplesmente  a demonstração é unicamente e subposta valorização da extração de um sentimento a assegurar.

“Quando aquilo que nos vai na alma transpira pelos poros da pele, acontece uma alquimia sublime: trata-se de poesia em movimento, é a linguagem universal da alma.
Chama-se Dança e vem do Céu!”

Lucilia Bahleixo

Follow

Publicado em 4 comentários

Mulher segura é mulher feliz

Uma mulher segura é sempre a mulher atrativa, poderosa. capaz de realizar os seus sonhos e objetivos. É uma mulher sem duvida verdadeira, perspicaz é capaz de realizar os seus sonhos e os sonhos dos outros. Mulher segura é mulher que respira o equilíbrio e o seu brilho é mulher que procura sempre o melhor de si e o melhor para os seus entes mais queridos.

Mulher segura sabe o que quer e o que não quer, vive dos seus encantos, dos seus atos e das suas decisões não das dos outros é aquela que se encontra para si no mundo e que ama todos os dias a si própria mais que para os outros. É a mulher que vive para si, investe em si e não deixa que qualquer inimigo a domine ou mesmo lhe ensine. Simplesmente é mulher de palavra segura é aquela que vive da ternura, sem qualquer desalento, sem qualquer defeito e sem qualquer rodeio, numa simples lógica de ser a mulher que tantos querem ser e só ela sabe viver.

richard_s._johnson8600_811

Mulher segura é assim, a mulher de luta, mulher que sabe o que quer que transmite o que quer e é a mulher que Deus quiser. É aquela que sabe muitas vezes amar-se, amar os outros e principalmente amar-se a ela própria e pela pessoa que se vê e pelo aquilo que realmente dá a parecer e acontecer. Mulher segura têm uma elevada autoestima, veste-se para brilhar, é mulher poderosa que gosta do pouco que tem e é feliz com a vida que tem e assim se deduz. Mulher segura é difícil não amar é difícil não relacionar e é ainda mais difícil saber esperar.

Mulher segura vive a vida sem rodeios sem anseios, vive a vida que a deixam viver é livre a sua maneira e como bem lhe bem entender. Mulher é sem duvida a força, a garra a raça e a graça é muito mais que a vitória é a única derrota, é a força de um ser que todos querem ver é única, verdadeira é admirada por todos na sua rota e é aquela que todos querem ser.

A mulher é mesmo isso, segura de si e de todos os que a rodeiam, não chama a isso qualquer compromisso, mas a verdade que todos mais desejam. Mulher segura sabe exatamente o que quer é sempre aquela que luta pelo seu futuro, é ambiciosa e determinada é tudo o que toda a gente mais deseja e eu sou exatamente assim.

Publicado em 8 comentários

Não mudei apenas cresci

Já fui muito ingénua ao ponto de acreditar em tudo que me diziam, já fui tudo desde que fui criança, já fui completamente uma miúda muito mimada que só via a felicidade ao longo da sua estrada e que quase não precisava de nada para ser recordada e para ser bem reservada.

Já perdoei erros imperdoáveis, já recusei pessoas insubstituíveis, e já esqueci pessoas inesquecíveis. Acreditei que a amizade era para sempre que o amor era para toda a vida e já suportei bastante más companhias. Fiz coisas que se calhar não devia e não sabia, perdoei coisas imperdoáveis e realizei de tudo o que mais havia, desde agir por impulso, até a achar que estava a ter uma grande inimiga.

tumblr_l94i4vCft01qcx9ipo1_500_large

Todavia, já magoei, já fui magoada e continuo a ser a mesma rapariga, que no fundo não mudou apenas cresceu, cresceu para a vida e para a fantasia, sou agora como uma libelinha, que significa algo de especial na minha vida como a renovação, o poder, o vento, a mudança, com a vontade de crescer, fortalecer e que vive com o pouco tempo que tem em prevalecer, simbolizando a luz as novas energias, a harmonia e a força.

Hoje é assim que me vejo como uma libelinha, com um espirito de uma criança, mas com uma maturidade de confiança. Não sou mais uma esperança eu cresci, amadureci e vivo com o poder e a força de quem aprendeu a viver, ir á luta e não esquecer de acreditar que tudo não passa de uma simples ilusão de quem soube viver pelas suas sombras na maior desilusão.

São poucas as pessoas que sabem enfrentar a vida, chega o momento de acreditar que a vida é nossa, somos nós que fazemos o nosso próprio caminho e que entendemos que não poderá haver melhor amor que ser um amor próprio. A maturidade é mesmo assim, permite olhar com menos ilusões, aceitar com menos sofrimento, entender com mais tranquilidade e querer cada vez mais com mais simbolismo e doçura.

Assim viver é lutar com determinação, viver com a paixão, perder a classe, ousar a ousadia, vencer os próprios obstáculos e atrever a acreditar que o mundo é para quem sabe permanecer nele e vive-lo é muito mais que ser insignificante.

“Quando me amei de verdade, compreendi que em qualquer circunstância, eu estava no lugar certo, na hora certa, no momento exato. E então, pude relaxar. Hoje sei que isso tem nome… Auto-estima”.

Kim e Alison McMillen

Publicado em 2 comentários

Amei-te quando era adolescente amo-te no presente

Meu amor não tenho palavras para descrever o que vivemos desde quando fomos dois adolescentes. Vivemos momentos inseparáveis, momentos que nunca esquecerei e momentos que ainda acreditarei. Adolescentes fomos nós, sem qualquer senso e sem qualquer cumprimento, vivemos sempre o momento com  vontade, na gratidão e tive sempre a ti para me dares sempre a tua aptidão.

Seguimos como uns miúdos que viveram do perdão e não fazíamos a mínima ideia do que era a vida sem qualquer união. Apenas eramos dois jovens que andávamos a descobrir o amor, nem sabíamos realmente o que era a dor, a dor de amor.
Tudo o que mais queríamos era sim, viver a vida no paraíso, sem qualquer preconceito, sem qualquer defeito, e sem qualquer compromisso.

Neste momento, vivemos o presente mais  do que simplesmente, achamos que este querer e desejo é cada vez mais ardente, mas nada é igual ao que era antigamente.
Perduramos por cada instante em cada segundo, cada ano e cada minuto, a lembrar o passado que ficou para trás e a fazer cada vez mais para a nossa relação sempre conservar. Nada é mais bonito que ver os anos a passar!
Mas nem tudo são rosas, nesta vida temos as nossas lutas, as nossas discussões e as nossas angústias. Somos nada mais,
nada menos, que dois vínculos que acreditam que o amor vale a pena durar.

Amo-te no presente e quando era adolescente, amo-te quente e frio, apaixonei-me hoje e sempre por alguém que altamente divergente, mas, que sabe além de ser bastante diferente, amar, beijar e proporcionar algo bastante coerente. É difícil dizer não, para alguém que tanto conhecemos e muito mais difícil é deixar alguém magoado alguém que já tinha sido nada mais que nosso passado.

Se este amor vai durar, eu não sei, só sei que o que interessa realmente é o presente, algo que agora sinto adurente, algo que me dê mais prazer, encante e me alimente.
A verdade, é que o passado já passou, interessa agora é mesmo tudo que é vigente, o amor que é vivido, apetecido e nada mais que aprazido, claro e expressivo.
A verdade, é que eu amei-te quando era adolescente, amo -te no presente.

 

 

 

Publicado em 3 comentários

Não existem príncipes Encantados

Antes pensava que o meu príncipe encantado existia e que me vinha buscar num cavalo branco, como naqueles filmes de desenhos animados que vemos quando somos uns pirralhos. Como era bom sonhar sempre com esse momento único, uma história sem fim e com um final feliz.
Mas, agora digo não acredito nem um pouco no amor à primeira vista, no príncipe encantado nem muito menos na bela adormecida, não acredito quando dizem “Felizes para sempre” e tudo que seja “Para sempre”, tudo isso é uma imaginação, não é muito falado com coração e não passa de uma história que muitas vezes acaba em desilusão, de um sentimento incondicional, num romance total e infinito com votos de promessas de uma eternidade.

Acredito, sim, no amor vivido, construído, um dia melhor que o outro, e na reconstrução sempre de um amor melhor, sem rodeios, sem anseios e sem promessas. Acredito no sentimento regado, colhido e preenchido. Não acredito no infinito, no sentimento errado, desequilibrado e sem esperança para ser vivido, como acredito, no amor que sinto e no que ele me faz sentir todos os dias por ser amada.
Mas para todos nós eu digo e repito, não acredito nada em príncipes encantados, daqueles que correm sempre atrás, que dormem como galãs, e que acordem como os príncipes encantados, todos as manhãs. Não meninas esqueçam! Esqueçam que existem. Ele foi feito todo como nós, eles só existem nos contos de fadas, ele é apenas mais um que tu amas, aquele que dá a cara para te ver todos as noites despenteada e aquele que muitas vezes achas uma criançada.

Infelizmente não existem amores platónicos, amores infinitos, eu sempre soube que não existiam príncipes encantados. Na verdade, confesso que já acreditei em contos de fadas, principalmente aqueles que via sempre na televisão do meu quarto deita na minha cama. Hoje percebo que sou mais uma como tantas outras almas, e que estes contos de fadas, não passavam de contos e histórias para declamar a minha calma. Pensando bem, acho que aqueles momentos me faziam mais bela e era o único momento em que eu acreditava, que era mais uma autêntica Cinderela.

Hoje, vejo que tudo não passou de uma ilusão e que os príncipes encantados nunca mais existirão e que tudo não passa de mais uma imaginação. Hoje, sei que é apenas alguém que cala com um beijo que sente com desejo, e que ama com sentimento. Hoje, descrevo o que há muito irei temer e penso em alguém que goste verdadeiramente de mim e que me possa corresponder.

“Não sou perfeita. Não tenho pretensão de o ser. Tenho em mim quase todas as qualidades do mundo, assim como quase todos os defeitos também, inclusive, a ingenuidade de querer ainda imaginar que tudo isso não se trata, da mesma forma, de um conto de fadas. É que de vez em quando eu me recuso a crescer, e está me fazendo falta aquela época em que eu acreditava que “eles se casaram e viveram felizes para sempre”!
Mônica Aubasi