Publicado em 2 comentários

Os textos bonitos

Que se extinga a poesia sem sentido, que se apaguem os textos bonitos e subjectivos. Eu prefiro escrever um texto feio e objectivo e que exprima o que me vai na alma do que um texto com muitas palavras sem o mínimo de conteúdo. Mais vale um texto com poucas frases mas de qualidade.

Seguir em frente

Quanto a ti, só te tenho a agradecer, o sofrimento, o desprezo, a falta do merecido valor e o ódio que tens por mim.

Neste momento, por ti apenas sinto mágoa e raiva. A idealização que tinha de ti desapareceu no dia em que descobri o que fizeste.

Agradeço-te pela tristeza que me causaste, fazendo-me chorar todos os dias e matando-me por dentro, deixando-me no fundo de um poço que parece não ter fim. Agradeço-te os danos causados na minha alma.

Agradeço ainda a desilusão e a forma como me tirares os sonhos, pondo-me assim na dura realidade.

O primeiro amor nunca se esquece e a sua consequente desilusão também não. Por esse motivo custa-me falar de ti.

Apesar de tudo, contigo aprendi muitas coisas. Sim, também houveram coisas boas. Pena que as más tenham prevalecido. Talvez pelas nossas diferenças ou pela falta de respeito por elas. Não da minha parte, mas sim da tua.

Com certeza irei encontrar muitas outras pessoas pela frente mas tu marcaste-me para sempre. Fazes parte da minha história de vida. Digo isso porque é o que sinto, é o que penso. É o que escrevo.

No entanto, a vida segue adiante e não vale a pena continuar a olhar para um passado que não terá futuro.

Independentemente dos momentos vividos entre nós a vida continua e esses não passam disso mesmo. De meras recordações ninguém vive delas, portanto há-que seguir em frente. Esta é uma exigência fundamental que deveremos cumprir! Deixar o passado para trás e seguir em frente!

 

 

Publicado em 9 comentários

Rapidamente fazes-me feliz

Não sei o que tu tens, não sei que fiz para me deixares tão contagiante , só sei que não é preciso muito para ser uma verdadeira mulher . Faz-me rir e eu prometo que não te faço chorar, faz-me chorar e tu vais ver que rapidamente eu deixarei de te amar só quero acreditar, que é por este amor que tenho de lutar.
Mas no fundo, digo-te com mil palavras que são as pequenas coisas que fazem-me feliz, são as pequenas coisas que tu fazes por mim o que sempre diz e que fazem mais uma dia brilhante, lindo como um altriz.
Só quero uma coisa de ti, que me faças feliz e que o saibas fazer, porque quem não sabe uma pessoa realmente não merece realmente ter, não sabe nada mais que saber-se perdoar, não sabe ver o significado que é realmente amar, e não sabe ouvir a voz que o coração chama sem hesitar. Nada tem mais a explicar e ver a pessoa que nos faz oscilar.
Serei eu o grande motivo desse teu caminho ou serei a razão de tudo que poderá descambar? Ou serás sempre tu, aquele que me fará abraçar, ir para além do amor que sempre sentimos, ou ir para mais um caminho que não o mais apetecido.

A verdade é uma, esta e mais alguma, é que rapidamente fazes-me feliz seja no momento que for, seja onde for, seja um abraço ou mesmo uma flor. Quando existe uma união, um afeto, um laço, ou mesmo um abraço, sinto que tudo que faço parte de mais, é mais uma vida que eu acabo. Acabo de conhecer esse traço, esse desejo e esse medo, pois basta apenas mexeres um dedo para tudo acabar como no começo.

Se dura para sempre, eu não sei! Só sei que rapidamente é contigo que vejo o permanente, só sei que é contigo que quero fazes-me feliz para sempre e que rapidamente não existe quem aguente, não existe amor nada mais que a gente e nada é fácil se não houver quem lute pela frente.

O mais feliz dos felizes é aquele que faz os outros felizes.

Alexandre Dumas

lariante

Publicado em 11 comentários

Vida para quem se atreve a viver

A vida, é para aquele que sabe realmente viver, a vida é para aqueles que sabem realmente crescer, e a vida é para aqueles que sabem supostamente permanecer. Nem tudo são rosas, umas vezes são apenas memórias, outras vezes são esperanças e outras vezes é nada mais que uma vida insana, mas cheia de lembranças.

Bem, a vida é mesmo para quem se atreve a viver e não para aqueles que não tem mais nada a fazer. A vida temos de a levar como ela é para vencer, vencer os medos, enfrentar os desafios e nada mais poderá nos deter.
A vida é ingrata eu sei! Muitas vezes chega a ser aquilo que não estamos há espera, mas outras vezes, chega aquilo que a gente desespera.

Cuidar dela, é a nossa maior missão, lutar por ela é o nosso caminho, sonhar com ela é o nosso destino, e cá o futuro é sempre o mais infinito. Vivemos porque somos obrigados a viver, crescemos porque somos determinados a crescer, sem dúvida algo nós teremos um rumo nela para aqui estar e permanecer.
Atreve-te a viver nela e verás o que de mais aqui vens a fazer! Todos temos um rumo e eu acredito que o sabor dele, só depende de quem o tempera, e viver para a vida é viver quem sabe realmente dançar à chuva. E quer saber o sentido dela? É nada mais que para a frente. Para a frente é o caminho, e como diz Stéfani Agostini “de cara e alma lavada seguia em frente sem esperar por nada.”

Poderão aparecer espinhos, poderão ate se cansar das deceções, mas saiba que tudo pode mudar nada é eterno, e nada pode durar, a vida é mais que imaginar.

A vida é mesmo feita para durar, e teremos muito caminho ainda para alcançar, teremos ainda muita histórias para empregar, sabemos que chorar nada nos fará adiantar, nada nos fará calar ou mesmo um dia acalmar. Por isso esqueça! Não tema a mudança, curta a paisagem da esperança, faça mais pelos outros e siga em frente.  Siga nada mais que a mente.  Viver é indispensável, é simplesmente uma coisa inevitável, é aproveitar o calor humano, é viver muito mais que para além do passado é orbitalmente viver o presente e cada vez mais o futuro.

A vida é assim, gosta de surpreender, gosta de melhorar, mas também gosta de aprender. A vida é simplesmente uma janela, e se tu não a abrires, permaneceras exactamente como ela.  Não interessa o que os outros dizem, és tu que tens de viver, és tu que tens de superar, mostrar o novo começo e acreditar, acreditar que um dia o sol de novo irá brilhar, e que tudo saberá que foi por uma grande anedota que tivemos um dia mais que contar. Vive a vida porque a vida é para quem sabe viver, vive a historia que um dia fez-te crescer e principalmente vive porque tens de viver.

“A vida fica muito mais simples quando começamos a olhar para frente e seguir um passo após o outro, e tudo que parecia impossível fica muito mais visível quando depositamos uma gota de fé no nosso futuro.”
Danúbia Alves dos Santos Cerqueira